Trabalhos Aprovados

Confira abaixo a lista dos trabalhos aprovados em suas respectivas modalidades:

MODALIDADE PÔSTER ELETRÔNICO
-Angiomatose cutânea em cão jovem: primo relato brasileiro.
-Arterite proliferativa do philtrum nasal em um cão Cocker Spaniel: Relato de caso
-Aspectos dermatozoonóticos de escabiose em mini pig – relato de caso
-Aspectos clínicos de cães com esporotricose atendidos no Hospital Veterinário da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro
-Aspectos clínicos, epidemiológicos e terapêuticos de oito casos de demodiciose por Demodex injai em cães.
-Aspectos epidemiológicos e clínicos de cães com dermatofitose atendidos no Hospital Veterinário “Dr Halim Atique” no período de janeiro de 2008 à setembro de 2014.
-Associação das avaliações clínica e histopatológica de peles de cães com Ceratose Actínica, -Carcinoma de Células Escamosas e de pele sem alterações
-Avaliação citológica e por vídeo-otoscopia da orelha externa de felinos
-Avaliação clínico-epidemiológica de Felis catus infectado ou não pelo Complexo Sporothrix schenckii em diferentes áreas do Rio de Janeiro
-Avaliação da efetividade da imunoterapia alérgeno especifica em cães atópicos
-Avaliação do perfil de sensibilização ao teste sorológico de cães com dermatite atópica na cidade de São Paulo, Brasil: 64 casos
-Avaliação do pH de condicionadores, hidratantes e soluções otológicas de uso veterinário no Brasil
-Avaliação do pH de xampus de uso veterinário no Brasil
-Celulite, piotórax e discoespondilite por Nocardia nova em felino: relato de caso
-Combinação atípica de alterações cutâneas, articulares e oftálmicas em cão com síndrome de Ehlers-Danlos: relato de caso
-Demodiciose por Demodex gatoi em dois gatos – relato de caso.
-Dermatite actínica em cães: estudo retrospectivo 2004-2014
-Dermatofitose superficial pustular causada por Microsporum canis em um cão na cidade de João Pessoa/PB
-Detecção de Agentes Virais Causadores de Dermatopatias em Aves
-Disseminação sistêmica de pseudomicetoma dermatofítico em um gato: relato de caso
-Ectoparasitas na espécie canina: análise de dez anos
-Efetividade da cefovecina sódica no tratamento da foliculite bacteriana superficial em cães
-Esporotricose canina com potencial zoonótico no estado do Rio Grande do Norte, Brasil
-Estudo retrospectivo da ocorrência, sensibilidade e resistência antimicrobiana in vitro em otopatias caninas na região da Grande Florianópolis – SC
-Estudo retrospectivo de nódulos cutâneos de animais de companhia atendidos no Hospital Escola de Medicina Veterinária do Centro Universitário de Itajubá – FEPI durante o ano de 2014.
-Fusariose cutânea em um gato com infecção retroviral: primo caso no Brasil
-Hamartoma cutâneo em cães: estudo retrospectivo
-Histórico nutricional de cães acometidos por dermatite trofoalérgica
-Ictiose não epidermolítica em um cão da raça West Highland White Terrier PE
-Isolamento de dermatófitos em felinos assintomáticos
-Levantamento das alergopatias caninas atendidas no Distrito Federal, no período de 2013 a 2015
-Linfoma Cutâneo de Células T Canino: Estudo Anatomoclínico de 57 casos (2013-2015)
-Manifestações cutâneas, oftalmológica e ósseas em cão diagnosticado com histiocitose reativa sistêmica: relato de caso
-Miíase furuncular causada por Dermatobia hominis em dois gatos domésticos
-Neoformações digitais neoplásicas e não neoplásicas na espécie canina
-Padrão de sensibilidade de cepas de Staphylococcus Intermedius Group isoladas de piodermites caninas no Hospital Veterinário da UPIS/DF
-Paniculite estéril em cão – relato de caso
-Parasitos cutâneos em felinos: estudo de uma década
-Pênfigo foliáceo supostamente induzido por cefalexina em cães – relato de quatro casos
-Perfil de sensibilização a aeroalérgenos ao teste sorológico na cidade de Campinas, São Paulo
-Pitiose cutânea equina no Estado de Mato Grosso – Relato de casos
-Prevalência de alopecias adquiridas em cães: estudo retrógado de 12 anos no Serviço de Dermatologia Veterinária da FMVZ- UNESP Botucatu-SP
-Principais afecções que acometem os cães da raça Buldogue Francês atendidos no Hospital Veterinário da Universidade Metodista no período de 2012 a 2015.
-Relato de caso raro: Síndrome do pio-granuloma estéril canino
-Sarna Knemidocoptes mutans em aves Galliformes no Sertão Paraibano.
-Susceptibilidade de bactéria do gênero Staphylococcus isoladas de animais com otite externa.
-Valores de pH de xampus de uso em cães

MODALIDADE APRESENTAÇÃO ORAL
-Avaliação da eficácia da imunoterapia alérgeno-específica na dermatite atópica canina (31 casos)
-Avaliação da Proteína C Reativa como marcador inflamatório e de seu potencial para monitoração terapêutica em casos de pênfigo foliáceo e de piodermite superficial na espécie canina
-Avaliação do efeito terapêutico do plasma rico em plaquetas pobre em leucócitos mediante imunomarcação do TGF-β1
-Caracterização de colágeno tipo I e III no estroma do carcinoma de células escamosas cutâneos em cães.
-Comparação entre dois instrumentos para realização de prick tests em gatos
-Correlação do padrão inflamatório e da imunidade celular na pele de cães com leishmaniose visceral com o potencial de transmissibilidade de parasitos ao vetor
-Correlação entre achados clínicos e histopatológicos com aqueles da imunofluorescência direta no diagnóstico de lúpus eritematoso cutâneo crônico canino
-Diagnóstico molecular do Granuloma lepróide canino, a partir de cortes histológicos emblocados em parafina, pela técnica de reação em cadeia de polimerase (PCR) – estudo retrospectivo (2002-2009)
-Estudo retrospectivo da ocorrência, sensibilidade e resistência antimicrobiana in vitro em dermatopatias caninas na região da Grande Florianópolis- SC
-Expressão do Fator de Crescimento do Endotélio Vascular, do Transportador de Glicose 1 e do Ki-67 na Ceratose Actínica, no Carcinoma de Células Escamosas e na pele desprovida de lesões em cães
-Frequência de resultados positivos para ácaros domiciliares a partir de teste intradérmico realizado em 340 cães com dermatite atópica no Rio Grande do Sul
-Importância, diagnóstico e terapia das sarnas mais frequentes em leporídeos, cricetídeos, cavídeos, murinos e chinchilas criadas como animais de companhia.
-Imunoterapia alérgeno-específica (IT) em pacientes atópicos: estudo retrospectivo de 102 casos atendidos de 2011 a 2015 em São Paulo – Capital
-Isolamento de dermatófitos em pelame de felinos hígidos e desprovidos de lesões dermatológicas oriundos de gatis comerciais localizados na Região metropolitana de São Paulo
-Padronização da técnica de mensuração imunoistoquímica da filagrina cutânea de cães
-Padronização da técnica de mensuração imunoistoquímica de interleucina-31 cutânea em cães
-Perfil de sensibilização de cães com dermatite atópica na região central do Rio Grande do Sul
-Recado microbiológico: a multirresistência bacteriana nas infecções de pele e ouvido.
-Teste in vitro e in vivo do efeito acaricida do óleo essencial de Melaleuca alternifolia sobre Otodectes cynotis
-Uso in vitro e in vivo do óleo essencial de melaleuca (Melaleuca alternifolia) em otites bacterianas e por leveduras em cães

INFORMAÇÕES IMPORTANTES:

1) Em breve divulgaremos os dias e horários das apresentações.

2) Alguns trabalhos tiveram a sua modalidade de apresentação alterada pela Comissão Científica do CBDV. Tal como está disposto nas “Normas dos trabalhos científicos” caberá à Comissão Científica referendar a modalidade da apresentação e caso o autor não concorde, terá o direito de retirar seu trabalho. Para maiores informações consulte as normas em http://congressosbdv.com.br/envio-de-trabalhos/

3) Os trabalhos denegados não constam nessa lista. Somente seus autores terão acesso a essa informação através do email enviado pela Comissão Científica.

NORMAS DAS APRESENTAÇÕES:

  • Formato: Apresentação Oral (TCO):

    a apresentação deve ser feita em Power Point contemplando os itens - Introdução, Material e Métodos/Relato(s) de Caso(s), Resultados e Conclusão. O tempo de exposição será de dez (10) minutos, seguidos por outros cinco (05) minutos destinados às perguntas.

  • Formato: Pôster Eletrônico (TCPE):

    Os trabalhos selecionados como pôster eletrônico ficarão permanentemente expostos para consulta dos congressistas em computadores dispostos na Área de Exposição do CBDV e serão apresentados em dias e horários especialmente aprazado para tal fim. O TCPE deverá estar contido em no máximo seis (06) slides em formato Power Point abrangendo: Introdução, Material e Métodos/Relato(s) de Caso(s), Resultados e Conclusão. O autor apresentador, regularmente inscrito, deverá entregar à Comissão Organizadora no local do evento, até o dia (06/10/2015), no local, pen-drive com a apresentação e deverá estar disponível para avaliação do trabalho e elucidação de dúvidas em data previamente estabelecida pela Comissão Científica.